Cumpra estas cinco etapas antes de começar a treinar

Certifique-se junto do seu médico de família de que a sua saúde lhe permite começar e aguentar as exigências físicas dos novos exercícios a que o seu corpo não se encontra habituado.

Todos estão familiarizados com as vantagens do exercício físico para a saúde e não só. Diversos estudos científicos revelam os seus benefícios, entre outros, para a função cognitiva, emagrecer ou uma longevidade saudável nas pessoas com mais de 50 anos.

Ainda assim, antes de sujeitar o seu corpo a novos esforços, é importante que esteja consciente sobre a sua própria saúde. Caso queira fazer uma mudança de um estilo de vida mais sedentário ou apenas realizar exercícios diferentes ou mais exigentes, estar devidamente preparado para novos esforços pode fazer a diferença para o seu bem-estar e na prevenção de futuras lesões.

Em declarações ao site Considerable, dois fisiologistas e personal trainers norte-americanos, Krissi Williford e Jaime Hickey, estabeleceram uma lista de 5 pontos que uma pessoa deve ter em atenção, antes de se dirigir ao ginásio e começar a treinar.

1- Fale com o seu médico e obtenha aprovação

Reserve um tempo para falar com um médico, para que este lhe garanta que o seu corpo está resistente e capaz de aguentar com os gastos de energia, que os novos exercícios podem exigir de si.

Krissi Williford recomenda que qualquer pessoa com mais de 60 anos faça um exame físico, antes de retomar a realização de exercício físico, seja no ginásio ou ao ar livre. Esse pode funcionar como uma garantia de que não tenha desenvolvido nenhum problema de saúde.

Este ponto inicial ganha particular importância, se no seu histórico de saúde tiver uma condição pré-existente, como problemas de pressão arterial, artrite ou diabetes.

2- Estabeleça objetivos

Depois de ouvir o seu médico, crie os seus próprios objetivos com o seu novo regime de exercícios físicos. Tem de saber o que quer fazer e com que fim, uma vez que os seus objetivos pessoais podem moldar o tipo de feedback que recebe. Quando for falar com o médico ou estiver a elaborar um plano com um personal trainer, já tem de ter uma ideia clara do motivo pelo qual pretende voltar à forma e com que finalidade.

Williford sugere que «seja específico sobre as suas metas, para que os especialistas tenham uma ideia da carga a que o seu corpo pode ser sujeito», dependendo do objetivo estabelecido.

3- Comece devagar

A melhor forma de encarar um novo regime de exercícios na sua vida é começar devagar. Jaime Hickey recomenda os seus clientes mais velhos a pensarem que não estão nos seus 20 e 30 anos e a «imporem um ritmo mais leve no seu treino, para, gradualmente, voltarem ao máximo das suas capacidades».

Por exemplo, se for correr, no início esteja preparado para correr mais devagar e por uma distância menor ou se for levantar pesos, comece com menos repetições e com menos peso. Hickey sugere que o mais difícil pode ser «perder a vergonha».

4- Aquecimento no início e alongamentos no fim

Além de recuperar o seu fluxo de treino, certifique-se de que faz um aquecimento apropriado – 10 minutos, com exercícios aeróbicos leves – e os respetivos alongamentos depois de qualquer sessão de exercício.

De acordo com Hickey, ao não esquecer estes dois momentos nos seus treinos «vai ajudar muito a reduzir os riscos de lesões e a não ficar tão dolorido no próximo dia».

5- Observe os comportamentos do seu corpo

Quando voltar a uma rotina de exercícios, esteja atento às suas reações físicas. Para Williford, saber como se «sente antes, durante e depois do exercício é importante para tirar o máximo rendimento dos exercícios e posteriormente ser capaz de fazer ajustes».

Os dois especialistas do exercício físico concordam na ideia de que deve parar de fazer um determinado exercício, se o seu corpo “pede” para o fazer, pois «pode mudar para melhorar a sua experiência e ajustar de acordo com as suas reais capacidades».

Williford lembra que o exercício em algum momento «deve ser agradável e não o deve deixar infeliz o tempo todo». Ideia partilhada por Hickey que afirma que o «exercício tem o objetivo de o tornar mais saudável e fazê-lo sentir melhor física e mentalmente».

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Josefinas abre lojas pop-up em Braga e Lisboa
Automonitor
Cepsa Black Week começa esta sexta-feira