5 formas de se livrar dos seus arrependimentos

Deixe de pensar tanto no que poderia ter sido e concentre-se mais no que ainda poderá estar por vir.

Passa demasiado do seu tempo a contemplar todas as formas como a sua vida poderia ter sido diferente se tivesse feito outras escolhas, conhecido diferentes pessoas ou definido outros objetivos? Muitas pessoas sofrem com este tipo de pensamentos.

Especialmente à medida que envelhecemos, estudos indicam, que os nossos arrependimentos passam a estar relacionados com as oportunidades que não aproveitámos. O trabalho que não aceitámos, as relações que nunca perseguimos, as experiências que não chegámos a viver, etc.

Alguma investigação parece, no entanto, reforçar a ideia de que nem todos os arrependimentos são algo que devemos considerar como negativo. Um tipo de arrependimento de curto prazo pode ser importante para solidificar algumas opiniões e sentimento. Ajuda-nos a tomar melhores decisões no futuro.

Apenas após algum tempo, se continuarmos incessantemente a sofrer com as nossas escolhas passadas é que isto se pode transformar numa experiência dolorosa, que pode causar danos sérios à nossa saúde física e mental. Nestes casos deveremos procurar não deixar que estas memórias passadas afetem demasiadamente a nossa qualidade de vida e auto-estima.

Para este efeito, eis 5 estratégias que deverá adotar de forma a lidar melhor com todos os seus eventuais arrependimentos.

  1. Viva a sua vida olhando para a frente

Quando acreditamos que os nossos melhores dias já se encontram no Passado é natural que nos seja mais doloroso olhar para trás. Devemos ter sempre a consciência de não podemos voltar atrás no tempo, e como tal não devemos perder a nossa energia a pensar em assuntos que fogem ao nosso controlo. Em alternativa foque-se em experiências do Presente e do Futuro, pois estas são as únicas que pode realmente controlar.

  1. Perdoe-se a si mesmo

Muitas vezes somos mais compreensivos com os nossos amigos do que connosco próprios. Quando ouvimos outros contar histórias de que se arrependem no seu passado, é habitual que tentemos reforçar a ideia de que não se devem preocupar tanto. Curiosamente, temos uma bem maior dificuldade a ter essa mesma atitude ao avaliar as nossas próprias experiências.

Aprenda a perdoar-se. Reconheça aquilo que foge ao seu controlo. Vai ver que assim vai reduzir o pesar que sente.

  1. Coloque as coisas em perspectiva

Reconhecer as nossas limitações no passado e perceber que certos objetivos eram simplesmente demasiado ambiciosos nessa altura pode ser uma boa estratégia para aliviar alguns arrependimentos. É fácil para nós julgar o nosso “eu” passado, no entanto esquecemo-nos que normalmente não tínhamos nessas alturas o mesmo nível de compreensão e conhecimento que temos hoje.

  1. Olhe para o passado de maneira diferente

Muitos de nós tendemos a olhar para o passado de uma forma demasiado simplista, considerando tudo “ou preto ou branco”. No entanto as coisas em realidade não funcionam assim. Nada é simplesmente bom ou completamente mau. Infelizmente acabamos por rapidamente catalogar todas as nossas experiências passadas como algo exclusivamente positivo ou negativo.

Devemos tentar afastar-nos destes rótulos e perceber que nem tudo é exatamente como nos lembramos. Nem tudo é tão mau ou tão bom. Acima de tudo devemos conseguir concentrarmo-nos nos factos e afastar os sentimentos em redor desta análise.

  1. Procure um apoio profissional

Em alguns casos pode ser demasiado difícil lidar corretamente com experiências passadas sem ter o apoio de um terapeuta ou especialista. O apoio de um profissional pode ser essencial para conseguir desbloquear certos temas e fazer-lhe ganhar alguma claridade. Acima de tudo este terapeuta irá conseguir sinalizar a forma errada como está a lidar com certos temas e oferecer-lhe alternativas e ferramentas mais saudáveis que deverá utilizar para lidar com os seus problemas.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...