5 tipos de plantas e ervas aromáticas que pode (e deve) cultivar em sua casa

Estas plantas podem trazer inúmeros benefícios para a sua saúde e bem-estar. Assim como melhorar o gosto de muitos dos seus cozinhados caseiros.

Muitas pessoas gostariam de poder dedicar mais do seu tempo à jardinagem. Esta é não só uma atividade relaxante como oferece também a possibilidade de fazer algum importante exercício físico. Apesar disto, a verdade é que nem todos temos um jardim ou uma varanda ampla à nossa disposição. É assim natural que a jardinagem indoor esteja a ganhar cada vez mais adeptos.

Caso tenha alguma janela com uma boa localização, virada para o sol, pode aproveitar este espaço para deixar crescer algumas pequenas plantas e ervas aromáticas. Para tal basta que compre uns pequenos vasos e arranje algumas sementes. Deve tentar deixar cada planta no seu vaso e individual para que ela possa crescer nas melhores condições. Depois basta que vá regando com alguma regularidade, e rapidamente poderá colher os “frutos” do seu trabalho.

Deixar crescer este tipo de plantas e ervas no interior da sua casa é uma experiência divertida e relaxante. Sendo certo que muitas destas ervas podem ser aproveitadas para melhorar o gosto dos seus cozinhados. É uma alternativa natural, de qualidade, sem químicos, que pode ainda ajudar a poupar algum dinheiro nas idas ao supermercado.

Eis alguma das plantas e ervas que deve experimentar plantar no seu pequeno “jardim” interior.

  1. Cebolinho

Esta planta cresce facilmente e é ótima a repelir insetos. Usada desde o tempo dos antigos romanos, o cebolinho era usado enquanto diurético e como forma de aliviar dores de garganta e queimaduras do sol. Atualmente é uma excelente forma de condimentar inúmeros pratos, desde o peixe até às sopas.

  1. Manjericão

O manjericão fresco é o segredo de inúmeros pratos italianos. É aquilo que dá um gosto fantástico a inúmeras massas, pizzas e sopas. Esta planta contém muita vitamina K, C e A. É ainda uma boa fonte de cálcio, Omega 3, ferro e magnésio. Pode ainda ser transformada num óleo essencial que favorece o tratamento de certas feridas, cortes e infeções na pele.

  1. Tomilho

A sua versatilidade é uma das suas principais características. O seu sabor mais subtil conjuga-se perfeitamente com outro tipo de ervas, podendo assim o tomilho ser usado em inúmeros pratos diferentes. Para além de ser uma ótima forma de dar sabor à comida, é ainda uma fonte rica de vitaminas, minerais e antioxidantes.

Esta planta tem ainda diversos usos medicinais. Pode ser usada para acalmar dores de barriga, diarreias e outros problemas intestinais. É ainda um bom diurético e pode ser aplicado na pele para ajudar a tratar uma série de problemas.

  1. Menta

Este é um tipo de planta que adora viver no interior. Fácil de plantar e de deixar crescer, a menta tem sido usada desde sempre para ajudar nos casos de indigestão e para melhorar o mau hálito. Cheia de saudáveis nutrientes, vitaminas e antioxidantes, é usada sobretudo para aliviar sintomas gripais, diminuir problemas intestinais e para acentuar a atividade cerebral. Adicionalmente, o óleo de menta é ótimo para a sua pele, transmitindo uma sensação refrescante e hidratante.

  1. Alecrim

Esta é uma planta que deve constar em qualquer pequeno jardim interior. O seu sabor e aroma é perfeito para pratos de carne, molhos, marinadas e vegetais. Pode usar os ramos inteiros ou cortados, dependendo do tipo de prato e sabor que deseja obter.

Fácil de crescer, o alecrim pode contribuir para uma melhoria da atividade cerebral, assim como favorece o crescimento do cabelo e alivia dores. Tem um efeito antioxidante e anti-inflamatório. Pode ainda melhorar a saúde do seu fígado e ajuda a repelir certos insetos.

 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...