Diminuir o apetite é uma das características do pêssego. Descubra aqui outras

E inclua esta fruta na sua alimentação.

O pêssego tem um elevado teor de fibras e água que ajudam a prolongar a saciedade e a diminuir a fome ao longo do dia. Desta forma, é uma excelente opção para integrar as dietas que têm a finalidade de fazer perder peso.

Ajuda na perda de peso
O pêssego tem baixo índice glicémico, pois contém pouco carboidrato e boas quantidades de fibras que ajudam a aumentar a sensação de saciedade, controlando a fome ao longo do dia.

Melhora o funcionamento do intestino
Contém boas quantidades de fibras, como a pectina, que aumentam a absorção de água no intestino, ajudando na formação do bolo fecal e facilitando a eliminação das fezes.

Ajuda a prevenir o cancro
É rico em vitamina C e betacaroteno, compostos com propriedades antioxidantes que combatem os radicais livres, um dos responsáveis pelos danos das células saudáveis, ajudando a prevenir alguns tipos de cancro, como de pele, de mama, de pulmão e de cólon.

Controla a diabetes
Por ter baixo índice glicémico, promove o equilíbrio dos níveis de açúcar no sangue, evitando a diabetes e ajudando a controlar a glicemia em quem já tem a doença.

Diminui colesterol “ruim”
O pêssego tem boas quantidades de fibras solúveis e insolúveis que diminuem a absorção de gordura no organismo, promovendo a redução dos níveis de colesterol “ruim”, o LDL, no sangue, e evitando doenças, como infarte e aterosclerose.

Equilibra a pressão arterial
Possui boas quantidades de potássio, um mineral que ajuda a eliminar o excesso de sódio no organismo através da urina, evitando a pressão alta.

Previne o envelhecimento precoce
Por ser rico em compostos antioxidantes, como flavonoides e antocianinas, ajuda a prevenir o envelhecimento precoce.

Mantem a saúde dos olhos
Acolhe ótimas quantidade de betacaroteno, um nutriente que favorece a prevenção da catarata e evita degeneração macular.

Fortalece o sistema imunológico
Por ser rico em vitamina C, flavonoides e antocianinas, ajuda a combater os radicais livres.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...