Exercício físico pode ser eficaz na redução da tensão alta

Especialistas sugerem a prática de qualquer tipo de atividade física como um método eficaz para o tratamento da hipertensão.

Os investigadores descobriram que entre os cerca de 400 casos de estudo analisados, que sofriam de tensão alta – com valores acima dos 140 milímetros de mercúrio (mmHg) -, a prática de exercício físico conseguia uma redução praticamente igual à da medicação. Assim, observaram, em média, uma descida nos valores de cerca de 8,96mmHg através da prática de exercício físico e de 8,8mmHg com a toma de medicação.

Geralmente, qualquer descida na pressão arterial de cerca de 10mmHg diminui as hipóteses da pessoa ter um problema cardíaco. Simples atividades físicas como um treino de força, corrida ou outras de baixa intensidade como caminhar viram comprovados, neste novo estudo, os seus benefícios para contrariar a tensão alta.

Porém, o professor Huseyin Naci, o líder do estudo e docente na London School of Economics, no Reino Unido, alerta, também, que as pessoas que têm tensão alta, primeiro «devem consultar um médico antes de abandonarem a medicação e começarem a praticar exercício», pois é preciso garantir que «os doentes obtenham benefícios com o exercício físico», esclarece o especialista.

Este novo estudo britânico teve como base 194 ensaios clínicos que incluíram a toma de medicamentos como terapêutica para a hipertensão e 197 análises que examinaram os resultados do exercício físico nos valores da pressão arterial. No total, esta investigação envolveu cerca de 40 mil voluntários.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...