Os inconvenientes que a tecnologia nos pode causar

A utilização excessiva da tecnologia pode ter impacto em várias partes do corpo humano.

A tecnologia não nos oferece, apenas, vantagens. Fique a conhecer alguns problemas para a saúde causados por uma utilização desregrada de muitos equipamentos tecnológicos.

Pele

A luz azul, parte da luz visível, artificial, emitida pelos equipamentos eletrónicos pode provocar ou piorar manchas escuras (melasmas), em especial no rosto. Isso acontece porque, como possui maior energia, penetra de forma profunda na pele. Mais ainda, as luzes artificiais provocam a aceleração do envelhecimento, por estarem associadas à radiação ultravioleta.

Olhos e ouvidos

O ser humano, quando passa muito tempo em frente a ecrãs, reduz até dez vezes a ação de piscar os olhos. Isto explica-se pelo facto de estarmos demasiado concentrados na atividade que estamos a realizar, no caso, olhar para o monitor, televisão, tablet ou telemóvel.

Especialistas têm sugerido que esse excesso de concentração, à frente de um ecrã, aumenta o risco de miopia e de outras condições da visão.

A utilização de auriculares também sofreu um aumento. Quando em excesso, estes podem provocar sérios danos aos ouvidos.

Dores de cabeça, zumbidos ou perda de audição, são algumas das consequências e podem ser progressivas e irreversíveis.

Articulações e musculaturas

As doenças ortopédicas também são uma realidade causada pelo uso excessivo de computadores, telemóveis, tablets e jogos de vídeo. Pois, os movimentos repetitivos feitos para digitar ou jogar causam tendinite e bursite, entre outras lesões ou disfunções articulares.

Cabeça

As doenças psicológicas causadas pelo uso descontrolado dos instrumentos tecnológicos, particularmente os que têm acesso à Internet, atingem um número cada vez maior de pessoas.

Uma vontade de verificar as redes sociais, os e-mails e outras aplicações pode sugerir uma síndrome que gera ansiedade, mau humor, angústia e até depressão, a qual afeta tanto crianças quanto adultos. A solidão e o isolamento social podem ser outras consequências da utilização compulsiva da tecnologia.

A Internet é a nossa principal ligação à tecnologia, sendo que mais de metade da população mundial (cerca de 4 mil milhões de pessoas) já tem acesso a ela, segundo o relatório realizado pelos serviços online Hootsuite e We Are Social.

Para isso contribuem a maior rapidez na comunicação, a comodidade para realizar as tarefas diárias, tanto as pessoais quanto as profissionais, e o ganho de tempo e produtividade que as máquinas tecnológicas nos proporcionam. Estes benefícios têm permitido, ainda, a constante evolução de computadores, telemóveis e outros dispositivos digitais que facilitam o quotidiano. Por exemplo, o número de utilizadores de telemóveis supera a marca dos 5 mil milhões – número equivalente a 68% da população global.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...