Por que razão não nos lembramos daquela palavra na “ponta da língua”?

Afinal, há uma explicação científica para este fenómeno.

Já lhe aconteceu bloquear, a meio de uma conversa, enquanto tenta lembrar-se “daquela” palavra que está mesmo na “ponta da língua”? Temos boas e más notícias: não é o único e só terá tendência a piorar à medida que envelhecemos. Porque é que isto acontece?

Esta sensação de bloqueio mental foi estudada, pela primeira vez, em 1960. Os especialistas afirmam que se trata de uma perda de memória normal, até porque, mais cedo ou mais tarde, acabamos por lembrar-nos do que queríamos dizer, segundo um artigo publicado no portal Considerable.

Os especialistas contatados revelam que o facto de não nos lembrarmos de uma palavra não significa que ela se tenha evaporado da nossa memória. As pesquisas realizadas puseram na mesa outras teorias: uma delas é que este esquecimento se deve a factores como stress, fadiga ou mera distracção.

Devo consultar um neurologista? Este bug, por si só, não é uma situação preocupante, a menos que interfira nas suas actividades diárias, afectando a sua autonomia. Nesses casos, pode estar perante um declínio de memória grave e é importante consultar um especialista para despistar uma causa patológica.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Spotify reinventa (com humor) clássicos da música
Automonitor
Club MX-5 Portugal numa aventura pelos Vinhos do Alentejo