Afinal, que ervas posso (e devo) plantar ainda esta primavera?

Esta é a estação do ano indicada para plantar ervas, tanto em vasos, canteiros elevados ou jardins, pois podem crescer e durar.

Durante muito tempo, as ervas vêm sendo muito utilizadas pelos humanos na culinária ou, simplesmente, como fragrâncias aromáticas nas diversas divisões de nossa casa. A sua utilidade é vasta e, para se desenvolverem, elas preferem locais quentes e secos e ainda podem ser autossuficientes. Estamos com pouco mais de um mês de primavera, mas que ervas ainda posso plantar?

Muitas destas ervas têm na zona do Mediterrâneo, pelo seu ambiente e clima, o sítio ideal para o seu crescimento e manutenção. O alecrim e a lavanda são dois exemplos de ervas que adquirem o seu tamanho ótimo nesta zona do globo. Estes tipos de plantas dependem de plantações uniformes para o seu desenvolvimento ideal, pelo que dificilmente conseguem sobreviver num vaso ou mesmo num canteiro.

Uma ajuda importante para que pretende plantar estas ervas em pequenos recipientes é incorporar algum calcário moído no solo, pois pode fazer com que as plantas prosperem mais facilmente. Muitas ervas acabam por se dar bem em vasos, onde se pode controlar melhor o meio de cultivo e fornecer a drenagem que estas requerem, mas necessitam de uma atenção muito mais cuidada. Assim, estas vão precisar de rega com mais frequência e devem receber um fertilizante solúvel mais fraco a cada duas semanas, aproximadamente. Outra dica importante prende-se na altura da rega: melhor nas raízes do que na folhagem.

A lavanda pode parecer meio morta no início da primavera, mas tem um novo crescimento em abril, em que se dá conta da sua sobrevivência. A tentação pode ser cortar aqueles pontos “mortos”. Tenha cuidado porque a poda nos pontos do novo crescimento pode matar a erva.

Já o tomilho é uma erva que tem um uso mais comum na culinária. Alguns tipos desta erva têm o tamanho e textura das folhas, que são úteis nas plantações em sítios mais apertados. O tomilho é muito aromático, sobretudo as variedades que têm uma qualidade mais cítrica.

Estas plantas também preferem um solo de drenagem livre, tipo um jardim, embora elas tenham uma maior necessidade de água apenas em períodos de seca. O tomilho é uma planta que também não resiste ao inverno, por isso a solução neste caso pode ser cortar as partes que parecem mortas e deixar o caule para o renascimento do ano seguinte.

Os orégãos têm diferentes formas nos hábitos de crescimento força e sabor e são muito apreciados por cozinheiros, particularmente os apreciadores da cozinha mediterrânica. Têm a facilidade de ser uma erva que se domestica e arranca a qualquer tipo de condição. O seu aroma corresponde ao seu sabor e é o melhor convidado em qualquer prato ou salada.

Continuando neste tipo de ervas muito apreciadas nas diversas gastronomias, surge o manjericão. Uma planta anual, que só deve ser plantada quando os termómetros assinalarem consistentemente pelo menos 10ºC. O manjericão, por norma, diminui no início do outono, com as noites mais frias, altura em que deve ser colhido e congelado.

 

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...