Quer viajar em 1ª classe? Há truques para garantir preços mais baixos

Toda a gente gosta de usufruir de um serviço de alta qualidade, o que se pode aplicar à compra, de quando em vez, de bilhetes de avião de primeira classe, sendo importante saber quais as melhores alturas para comprar estas viagens.

Toda a gente gosta de usufruir de um serviço de alta qualidade, o que se pode aplicar à compra, de quando em vez, de bilhetes de avião de primeira classe. Para além disso, existem ocasiões – tais como viagens de negócios ou celebrações – em que é importante ter um conforto extra, sendo importante saber quais as melhores alturas para comprar voos em 1ª primeira classe com cartão de crédito.

Porquê com cartão de crédito? Porque, para além de poder “descontar” e reservar o voo com as milhas aéreas acumuladas até então (caso tenha um cartão de crédito com milhas aéreas, pode ainda usufruir de inúmeras outras vantagens, tais como seguros em viagem, acesso a zonas lounge dos aeroportos e pontos que posteriormente podem ser trocados por mais milhas aéreas!

Seja como for, sabe que na primeira classe vai sempre acabar por pagar mais pelo serviço superior, refeições gratuitas e os famosos lugares confortáveis característicos da primeira classe. Mas vamos dar uma olhadela a alguns preços atuais:

Por exemplo, de acordo com uma simulação na plataforma eDreams, se um voo de ida e volta entre Lisboa e Nova Iorque em classe económica pode custar a partir de 440 euros na Air France, o mesmo trajeto em primeira classe custa, no mínimo, 3.712 euros, preço praticado pela British Airways.

Se esses preços parecem caros, um voo de ida e volta entre Lisboa e Dubai, na primeira classe da Emirates custa, no mínimo, 5.413 euros. Com preços assim, é bem provável que comece a pensar: “porquê pagar mais, se posso ir em classes mais económicas?”

A pensar em quem, seja por motivos profissionais ou de lazer, é um cliente assíduo deste meio de transporte, reunimos algumas ideias para ajudá-lo a manter ao máximo os custos em baixo.

Saber quando reservar

Reserve no mínimo com sete dias de antecedência: muitos profissionais que viajam frequentemente, tendo em conta a cariz da viagem, não têm oportunidade de fazê-lo. Quem agradece são as companhias aéreas, uma vez que o custo total da viagem pode assumir mais de 40% do que se for reservada com antecedência.

Resumidamente, se acabar o processo de reserva da viagem com uma semana de antecedência, consegue poupar montantes significativos, assim como se comprar voos em 1ª classe com cartão de crédito.

Saber quando voar

É importante procurar saber quais os dias da semana em que as companhias aéreas praticam as tarifas mais baixas. No que toca a companhias norte-americanas, por exemplo, sabe-se que a American Airlines tem taxas ligeiramente mais baixas para viagens realizadas aos sábados e a meio da semana.

Desta forma, ao pesquisar e comparar preços de voos, vai conseguir descobrir quais os dias a evitar reservar viagens de avião. A diferença no preço pode ir para além dos 10%.

Dica

Compare preços de viagens de avião mesmo quando procurar pelos bilhetes mais caros.

Procurar descontos para comprar voos em 1ª classe 

Pode soar a incoerência, mas algumas companhias aéreas oferecem descontos para a primeira classe durante o processo de reserva, podendo até ficar bastante económico. Algumas podem mesmo disponibilizar outros “upgrades”, como acesso a zonas lounge, entre outros.

Procurar boas oportunidades

Persiga oportunidades que muitos podem desconhecer: algumas companhias podem fazer algumas “atualizações” ao status dos seus clientes, tendo em conta o gasto que têm anualmente em termos de milhas aéreas. Uma dessas companhias é a TAP, através do seu programa de milhas aéreas TAP Victoria.

Para ter conhecimento destes detalhes, pode visitar a agência da companhia ou, mais cómodo ainda, o website da instituição. Pode ser que, por ser um cliente assíduo, tenha um aumento do número de milhas aéreas ou conseguir compras a tarifas mais económicas.

No entanto, existe um (pequeno) problema: as milhas aéreas estão um pouco mais difíceis de obter, estando o mercado estruturado para que quem pague mais, ganhe mais. Assim, comprar voos em 1ª classe com cartão de crédito é ainda mais importante.

Ainda assim, vale sempre a pena verificar se já gastou o suficiente para ter algumas milhas aéreas de reserva que possa gastar. Pode fazê-lo em algumas aplicações das companhias aéreas.

E se cancelar um voo…

O mais provável é que a maioria das companhias aéreas que atuam em Portugal façam uma das duas seguintes opções:

  1. Apenas devolvem uma percentagem mínima do montante que pagou na reserva; ou
  2. Retribuem o valor que pagou em vales que pode utilizar na mesma companhia durante um determinado período de tempo, não perdendo qualquer dinheiro.

Nestes casos, pode ser fundamental que, caso queira reaver o dinheiro, ter pago o voo em primeira classe com o cartão de crédito, uma vez que estes produtos têm seguros associados que podem ajudar a facilitar o processo. Conheça os cartões de crédito com milhas aéreas no mercado português com seguros de proteção ao crédito:

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Lego lança minissérie no YouTube
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual