Seja gentil consigo mesmo. Acredite que a autocompaixão o vai fazer (mais) feliz

Por vezes quando cometemos um erros ficamos a pensar no que aconteceu. Será que isso é falta de compaixão?

Nem sempre é fácil olhar para aquilo que fazemos, as nossas ações e escolhas, de uma maneira a reconhecer que somos apenas humanos quando erramos.

Mas é, de fato, preciso ter mais compaixão por nós próprios e os motivos são vários e valiosos.

Desde logo, dizem os especialistas que as pessoas têm mais autocompaixão têm uma maior tendência para ter relacionamentos mais saudáveis, uma maior consciência emocional, olham para os fatos com maior clareza e aceitam de uma formal mais simples os seus erros.

Diz quem sabe, que veem os fatos e a realidade com uma maior aceitação, reagindo melhor ao stress. E tudo porque evitam preocupações desnecessárias, o que as leva a ter menos  problemas emocionais, como depressão e ansiedade. 

Seja compreensivo consigo mesmo

A autobondade acontece quando nos conseguimos compreender de forma mais humana e sabemos tratar de nós com respeito e carinho, em todas as situações.

Dicas para atingir uma maior autocompaixão

Fale consigo próprio como se estivesse a falar com um amigo – pergunte a si próprio: será que eu falaria assim com um amigo? Por noma tratamos os amigos com uma maior bondade e julgamos menos do que nos julgamos a nós próprios. Assim, cuide de si como cuidaria dos outros.

Evite julgar-se – será que tem sido muito duro consigo mesmo? É comum os erros causarem dor, arrependimentos e julgamentos. Mas, a verdade é que o autojulgamento excessivo gera medo, ansiedade, raiva e depressão.

Não se compare com os outros – quando nos comparamos com alguém que consideramos bem-sucedido, é normal que nos sintamos mal pois ficamos com a sensação de que falhamos ou não nos esforçamos o suficiente.

Saiba perdoar-se mais – aprender a perdoar-se pode ser o caminho da autoaceitação. Mas tal não significa esquecer o erro, mas reconhecer que somos humanos mostrando compaixão por nós próprios.

Tenha sempre em mente afirmações positivas –  se sentir que não está bem fale em voz alta frases positivas como: “estou a fazer o meu melhor” e “vou acalmar-me, respirar fundo e esperar que esse sentimento passar desapareça”

Seja mais consciente – tenha atenção plena aos seus sentimentos. procure um estado mental receptivo e sem julgamentos, no qual possa observar os pensamentos e os sentimentos como eles são, sem tentar suprimi-los ou negá-los.

 

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...