Abacate: a fruta que faz bem e mal à saúde. Confuso? Nós explicamos

O abacate é rico em nutrientes e gorduras saudáveis para o coração, mas o seu consumo deve ser moderado em alguns casos, saiba quais.

O seu peso médio varia entre os 150 e os 500 gramas e, também, a cor da casca diferencia-se consoante a variedade do abacate (verde, vermelho-escuro, negro ou violeta). Esta fruta tem uma polpa consistente em volta de uma semente esférica e dura, que mais à frente vai poder perceber que tem propriedades escondidas pela sua aparência.

O abacate contém principalmente gordura saudável para o coração. Este fruto, comparativamente a outros, é muito rico em vitaminas e nutrientes – ácido fólico, magnésio, proteínas, potássio, vitamina B, E e K. Por isso, o abacate pode ser igualmente importante na redução do colesterol e do tamanho da glândula da próstata e combater também o cancro da próstata. A ligação deste fruto com a saúde é ainda reforçada por ter na sua composição carotenoides, uma substância química que ajuda o corpo a absorver nutrientes solúveis em gordura e protege contra o cancro, problemas oculares e doenças cardíacas.

Com efeito, os efeitos do abacate na saúde são vários, com a ciência a recolher evidências, em diferentes estudos, de como esta fruta consegue atuar na proteção de diferentes pontos do corpo (olhos, coração, pele, massa muscular, intestinos, rins, varizes) ou mesmo melhorar o nosso bem-estar em diferentes situações (sono, gravidez ou desempenho sexual).

O sucesso do abacate, em todo o mundo é de tal ordem, que este se espalhou para outras indústrias, como a da cosmética, que seguiu a da alimentação e passou a explorar este fruto tropical com inúmeros benefícios para a saúde. Assim, cada vez mais shampoos e outros produtos do género chegam ao mercado com o abacate a fazer parte da composição dos mesmos.

Como posso aproveitar um caroço de abacate? E para quê?

Ao consumir um abacate, por norma, o caroço acaba no lixo. Porém, esta semente é um antibiótico natural, pois ajuda a combater diversas crises que nos afetam, como gripes, úlceras gástricas, constipações outras doenças virais. O chá de caroço de abacate pode, inclusive, ajudar a eliminar o excesso de gordura corporal.

Ora, para poder aproveitar estes benefícios, saiba que o caroço fresco pode ser consumido em diversas refeições. Após ser ralado, pode ser utilizado para fazer sopas, saladas, sumos ou chás, por exemplo, com o seu sabor amargo a passar despercebido se não for numa quantidade desmedida.

Também, as folhas de abacateiro podem ser utilizadas no combate às diarreias, dores musculares, de cabeça, de garganta, de fígado e outras condições que o estejam a perturbar, como tosse, cansaço ou gases. Essas folhas não podem ser ingeridas, mas utilizadas para fazer chá.

Os pontos fracos

Apesar das muitas vantagens, segundo a Deco Proteste, o consumo de abacate deve ser reduzido ou mesmo evitado pelas pessoas com insuficiência renal. Logo, as pessoas com esta condição têm que ter em atenção que o abacate pode simbolizar um perigo, devido ao seu elevado teor de potássio. Este tipo de pera pode ainda «provocar reações alérgicas em pessoas com alergia ao látex» e, como contêm um grande número de gorduras, a sua presença «deve ser bem doseado em dietas hipocalóricas».

Até os superalimentos, quando consumidos em excesso, podem tornar-se prejudiciais para a saúde. O facto de o abacate ser uma fruta muito calórica e com um alto teor de gordura, faz com que esta fruta tenha de ser consumida com moderação, ou evitada, por pessoas com excesso de peso. Já as propriedades afrodisíacas deste fruto são mais difíceis de explicar, devido à falta de provas científicas que deem conta de um aumento do desejo sexual.

Ainda de acordo com a composição química da pera-abacate, alguns compostos bioativos e a vitamina B6 (indispensável para o bom funcionamento do sistema nervoso) têm propriedades anti-inflamatórias que neutralizam o efeito danoso dos radicais livres sobre as células, sem que, no entanto, isso signifique que o seu consumo regular afaste o risco de cancro.

Tenha ainda atenção com o que adiciona ao abacate. Pese embora, a riqueza nutricional desta fruta, esta por si só não funciona como um escudo e serve de pouco «se abusar dos bolos ou se comer abacate e o encher de sal», avisa a Deco Proteste.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Lego lança minissérie no YouTube
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual