Autoestima. 5 formas de se sentir melhor em relação ao seu aspeto

Muitas pessoas sofrem excessivamente com uma ideia destorcida da sua própria imagem. Conheça aqui algumas das estratégias que podem ajudar a fortalecer a sua confiança.

Existem muitas razões que podem explicar o porquê de alguém não se sentir tão confortável na sua própria “pele”. Estes desafios podem ser provocados por uma série de fatores, tais como problemas de peso, disforia de gênero, problemas físicos, etc.

Em particular as mulheres parecem sofrer mais o impacto negativo deste tipo de pensamentos negativos e conceções erradas sobre a sua própria imagem. De resto a pandemia agravou em muitos casos este tipo de problemas. Uma maior ansiedade, uma frágil ligação social e a dificuldade em aceder a cuidados de saúde mental deixou muitas pessoas mais fragilizadas.

No seu livro “The Body is Not an Apology” a ativista Sonya Renee Taylor sugere e identifica um conjunto de estratégias que podem ajudar a combater os efeitos mais negativos dos sentimentos de vergonha relativos ao nosso próprio corpo. Conheça aqui algumas das principais conclusões.

 

  1. Rejeitar as conceções standard de beleza

Procure ativamente rejeitar as mensagens veiculadas pelos media e pelas redes sociais. Se necessário diminua a sua exposição diária a este tipo de mensagens. Uma constante comparação a um standard irreal de beleza pode arruinar o seu bem-estar emocional. Identifique um conjunto de mensagens populares erradas que irá contestar diariamente.

 

  1. Crie uma nova narrativa

Seja capaz de criar uma nova história, um novo contexto para a relação que estabelece com a sua imagem. Questione as ideias pré-concebidas que preenchem a sua mente. Certos traumas devem ser reavaliados e re-contextualizados. Procure escrever sobre este tema num diário, onde deve procurar assinalar os aspetos mais positivos do seu corpo. Destaque as mensagens mais positivas.

 

  1. Explore o seu corpo

Uma parte essencial para se reconectar com o seu corpo de uma forma mais positiva passa por ser capaz de o tratar de uma forma mais gentil e prazerosa. Dedique tempo a explorar e cuidar das diferentes regiões do seu corpo. Procure o prazer e o relaxamento. Inclua no seu quotidiano rotinas como uma hidratação completa da sua pele, permitindo que tenha um contacto direto e prazeroso com a corpo.

 

  1. Novo mindset, compaixão e meditação

É provável que encare o seu corpo como um inimigo. Diversas questões de saúde ou questões estéticas mais proeminentes podem levar a que se sinta algo frustrada com a sua imagem. Estas características parecem fugir ao seu controlo. Todavia deve ativamente conseguir ter uma imagem mais realista sobre o seu corpo. Interrompa as expetativas erradas e aprenda a apreciar as caracterizar da sua imagem pessoal. Para este efeito pode ser útil cumprir alguns minutos diários de meditação nos quais se concentre em afirmações e pensamentos positivos.

 

  1. Comunidade

Um sentido maior de comunidade pode aliviar os nossos sentimentos pessoais mais negativos. Sentir que somos parte integrante de algo maior e que somos capazes de ajudar outros indivíduos em nosso redor é algo que estimula a nossa confiança e amor-próprio. Um maior isolamento social apenas irá reforçar as conceções mais negativas e todas as ansiedades que associa à sua imagem.

 

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...