Estas são as 10 coisas que deve (mesmo) limpar todos os dias

Aprenda como o deve fazer e descubra as dicas que o vão ajudar a manter a sua casa (e vida) limpa de germes e bactérias.

Agora, mais do que nunca, é importante manter as nossas casas e os nossos objetos o mais limpos possíveis. Sendo certo que quando estamos no exterior nunca podemos estar certos de que algo foi limpo como seria de esperar, a verdade é que temos total controlo sobre os objetos que possuímos.

Acima de tudo devemos preocupar-nos em manter o nosso espaço limpo. Nesta fase, a habitual e esporádica limpeza da cozinha e do chão da casa já não são suficientes. É preciso reforçar os esforços, inclusive reservando algum tempo para limpar algumas coisas que por vezes nos “escapam”.

[Leia também: Quais são os lugares no avião com mais germes? (não, não é o WC)]

De forma a que consiga manter a sua casa e a sua família em segurança, reunimos numa listagem alguns dos artigos essenciais que deve limpar diariamente. Alguns deles podem até surpreende-lo.

 

  1. Teclado do computador

O mais provável é que use o teclado diariamente. Não será assim de estranhar que este esteja repleto de bactérias acumuladas. Deverá prestar especial atenção ao espaço entre as teclas, utilizando uma pequena escova ou “apanha-pó”. No final, não se esqueça de desinfetar tudo com uma toalhita ou um produto que contenha álcool. Não molhe excessivamente o seu equipamento.

  1. A cama

Sendo certo que uma lavagem diária dos lençóis e fronhas pode ser algo excessivo, é importante que procure de alguma forma limpar a sua cama diariamente. Sacudir os lençóis e passar uma escova será aqui uma boa opção. Dado que, de acordo com os estudos, as fronhas são uma das áreas onde se acumulam mais bactérias é recomendado que lave toda a sua roupa de cama uma vez por semana.

  1. Garrafa de água

Todos sabemos que para melhorar o nosso estado de saúde devemos beber mais água. No entanto se o estivermos a fazer usando um recipiente “contaminado” podemos estar a causar o efeito contrário. Uma garrafa que não é limpa frequentemente pode acumular milhares de bactérias num só dia. É assim fundamental que no final de cada dia esvazie o conteúdo da sua garrafa e a lave com detergente e água. No final deixe-a a secar.

  1. Anéis

Os anéis são um foco grande de bactéria. Raramente os tiramos e como tal a sujidade acumula-se com facilidade. Os especialistas indicam que quem usa mais anéis tem uma probabilidade bastante superior de estar a “transportar” bactérias nocivas nas suas mãos. Não se esqueça de mergulhar estes artigos numa mistura de água e sabão anti-bacterial.

  1. Telemóvel

Durante um dia tocamos neste dispositivo centenas de vezes. Dado que também o colocamos perto da cara com frequência, é importante garantir que este está limpo e desinfetado. Atualmente esta é uma das maiores fontes de bactérias. Felizmente uma simples passagem de um pano ligeiramente humedecido em álcool pode resolver o problema.

  1. As esponjas de limpeza

Apesar de as usarmos para limpar pratos e superfícies, isso não significa necessariamente que as esponjas estejam elas próprias limpas. Se não se preocupar com a limpeza ou substituição destes artigos o mais provável é que esteja apenas a espalhar germes para várias outras superfícies. Como limpar uma esponja? Coloque a na máquina de lavar loiça, é simples.

  1. Comando de TV

Se quer mesmo manter a sua casa limpa então é indispensável que reserve algum tempo para limpar o seu comando de TV. Este é um dos objetos mais manuseados por todos os membros da família como tal pode ajudar a espalhar germes com facilidade. No final de cada dia, passe um pano humedecido em álcool sob este aparelho.

  1. Maçanetas

É inevitável, todos colocamos as nossas mãos neste tipo de superfícies. Não vale a pena acreditar que as pessoas vão usar toalhetes ou os seus próprios cotovelos para abrir portas. As maçanetas acumulam com facilidade germes e bactéria. Ao passar uma toalhita de limpeza irá eliminar grande parte destes organismos indesejados.

  1. Chávena de café

Prepare-se para se assustar. As estimativas dos especialistas revelam que cerca de 20% de todas as chávenas que utilizamos diariamente contém sinais de bactérias fecais. Sobretudo se tiver o hábito de apenas passar por água este tipo de chávenas, não lavando adequadamente as mesmas, o mais provável é que esteja a acumular bactérias ao longo dos meses. Coloque estas loiças na máquina ou lave-as à mão.

  1. A “cabeça” do chuveiro

Se acredita que a parte de cima do seu chuveiro se limpa autonomamente, então desengane-se. A única forma de garantir que a sua família está segura é limpar com frequência as cabeças dos chuveiros com um produto adequado para a situação. A verdade é que (de forma assustadora) um estudo publicado em 2018, revelou que as bactérias existentes nestes chuveiros podem aumentar o risco de doenças respiratórias. Proteja-se.

 

[Leia também: Desinfetante vs. água e sabão. Qual é o melhor?]

 

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...