Estes são os problemas que podem surgir se não beber água suficiente

Descubra quais são e perceba que tem mesmo de beber para os evitar.

Somos o que comemos, mas também somos o que bebemos. O organismo humanos é composto por 60% de água e, sem ela, não seria possível viver.

Se não dermos água ao organismo, nenhuma reação química aconteceria no corpo. Além de manter o volume e a pressão do sangue, ela ajuda as células, carrega os nutrientes, elimina as toxinas, regula a temperatura e muito mais.

Mas quanto se deve beber?

A necessidade varia de pessoa para pessoa e até de um dia para o outro, de acordo com a temperatura, a alimentação e o metabolismo. A ingestão recomendada é de 2 litros por dia. Homens precisam de mais 20% do que as mulheres porque a sua superfície corporal, geralmente, é maior.

Beber menos água do que o necessário pode trazer uma série de problemas:

Pele seca
As rugas acentuam-se e aparecem cravos e espinhas, uma vez que as toxinas do organismo não são eliminadas adequadamente.

Intestino preso
As fezes ficam mais secas e endurecidas, dificultando a sua eliminação.

Tontura e desmaio
A pressão desde em virtude da redução do volume de sangue em circulação.

Boca seca
As mucosas tornam-se secas e mais frágeis. Ocorrem sangramentos no nariz e os olhos ficam vermelhos. A produção de saliva também diminui.

Pedras nos rins
Não se pode afirmar que o aparecimento de pedras nos rins ocorra exclusivamente porque se bebe poucos líquidos. Deve-se levar em conta a predisposição genética e a alimentação. Mas para prevenir crises renais, beber bastante água é fundamental.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...