Por que trocamos presentes no Natal?

Já pensou nisso?

A prática está relacionada com os presentes dados ao menino Jesus por ocasião do seu nascimento. Desta forma a origem da tradição de se dar presentes no Natal surgiu no seguimento dos presentes que os reis magos levaram para o menino Jesus. Baltazar, Belchior e Gaspar levaram ouro, mirra e incenso.

O ouro simbolizava as riquezas da realeza e a proteção de Deus; a mirra em óleo foi ofertada para fazer a limpeza do corpo de Jesus e protegê-lo de doenças; o incenso foi levado para dar proteção através da crença, da fé e da oração.

Não se sabe ao certo quando surgiu a tradição natalina, mas foi o Papa Libério que a oficializou, em 354 d.C.

Além da história relatar sobre os três reis magos, existe a história de um bispo que levava presentes para as crianças de famílias carenciadas, e também atirava saquinhos de moedas pelas chaminés das suas casas. Este bispo era são Nicolau, que viveu no século IV, sendo homenageado com um dia especial, o dia de São Nicolau.

Atualmente, dar presentes é tido como uma expressão de amor e amizade. Mas o importante ao dar é a atitude, pois, sem levar em conta o valor do presente, o que importa é o espírito de generosidade e bom coração de quem está a dar, e o sentimento de agradecimento e humildade da parte de quem recebe o presente.

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...