Prepare-se. Onda de calor alastra em Portugal na próxima semana

As temperaturas vão continuar muito altas, para a época, com grande parte do país em alerta vermelho.

A menos de 20 dias da mudança de estação (o outono chega dia 23), as temperaturas não param de subir. Portugal deverá continuar a registar temperaturas muito altas na próxima semana, com grande parte do país em alerta vermelho.

De acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a onda de calor que já se regista no Alentejo, estende-se agora aos distritos de Santarém, Lisboa e Setúbal.

Uma onda de calor ocorre quando, durante pelo menos seis dias consecutivos, a temperatura máxima diária é superior a cinco graus centígrados face ao valor médio diário nesse período numa determinada zona, o que, segundo o IPMA, já se verifica no Alentejo (segundo os registos obtidos em Elvas e Alvalade).

As temperaturas muito altas, para a época, devem-se a «um anticiclone que se encontra localizado a noroeste dos Açores, estendendo-se em crista para a Bretanha, em conjunto com um vale depressionário entre Marrocos e a Pení­nsula Ibérica, dando origem a um fluxo de leste em Portugal Continental», explica o Instituto.

Na generalidade do território, os valores dos termómetros têm oscilado entre os 30 e os 35 graus, tendo atingindo, no passado dia 4 de setembro, os 40 graus em Évora e Alvega. Durante a madrugada, os valores têm estado muito próximos dos 20 graus em vários locais do Continente, com Coimbra e Faro a chegar aos 25,8 graus e 25,5 graus, respectivamente. Estas temperaturas deverão atingir os distritos de Lisboa, Santarém e Setúbal em breve.

 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Spotify reinventa (com humor) clássicos da música
Automonitor
Club MX-5 Portugal numa aventura pelos Vinhos do Alentejo