Última hora: Aprovado aumento de 104 euros em 2023

saiba mais.

O aumento de 104 euros em 2023 vai abranger mais 4.500 funcionários públicos, designadamente coordenadores técnicos e assistentes técnicos das posições remuneratórias complementares, disse o secretário-geral da FESAP, José Abraão, citado pela Lusa.

De acordo com as declarações do secretário-geral da Federação de Sindicatos da Administração Pública e de Entidades com Fins Públicos (FESAP), José Abraão, à saída de uma ronda negocial com a secretária de Estado da Administração Pública, Inês Ramires, mais 4.500 funcionários públicos vão ter um aumento de 104 euros já em 2023, sendo que a atualização abrange os coordenadores técnicos e os assistentes técnicos das posições complementares, refere a Lusa.

A este número somam-se 500 coordenadores assistentes técnicos na primeira posição remuneratória, que correspondem a 24% dos coordenadores assistentes técnicos, a quem está também garantido um aumento de cerca de 9%, em média, ou seja, 104 euros também.

“Como os encarregados não são valorizados, fizemos proposta ao Governo no sentido de valorizar o encarregado assistente operacional, como são valorizados os coordenadores de assistente técnico e os coordenadores de fiscal municipal, por exemplo”, explicou José Abraão à Lusa.


loading...
Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

+ 80 = 83