3 formas simples de nos mantermos apaixonado ao longo do tempo

O amor deve ser celebrado e protegido todos os dias, não apenas numa única ocasião em fevereiro

Muitos casais aproveitaram os últimos dias para celebrar os aspetos mais positivos do seu relacionamento. Os afetos são mais frequentes, assim como as mensagens e declarações de amor. Todos os anos se dedica o dia 14 de fevereiro a este tipo de demonstrações, todavia é importante lembrar que aquilo que fazemos nos restantes dias é bem mais importante.

Todos sabemos que não é fácil mantermos para sempre o mesmo nível de paixão que caracterizou a fase inicial da nossa relação. Essa é uma ambição praticamente impossível. Os relacionamentos têm momentos mais positivo e mais negativos. No entanto, existem algumas estratégias capazes de nos ajudar a manter e cuidar um amor romântico durante um período de tempo mais alargado.

Recentemente os especialistas do portal Psychology Today, apresentaram três dos métodos mais eficazes e intencionais que podem ajudar os casais a manter a paixão.

 

  1. Autenticidade e sinceridade

Um dos aspetos que aproxima mais os casais é a capacidade de partilharem interesses semelhantes. Este tipo de situação ajuda a fortalecer as relações e a torná-las mais intimas. No entanto, nada disto funciona se esse interesse não for verdadeiro e genuíno. Não é possível – nem recomendado – fingir um determinado interesse. Procure respeitar e admirar as diferenças, mas encontre formas de celebrar os aspetos, interesses, valores e ideias que são partilhados.

 

  1. A importância da atenção

O tempo de qualidade passado em conjunto pelo casal deve ser protegido. Isto significa que não pode deixar distrair-se por telefones ou outro tipo de distrações quando está num momento mais íntimo com o seu parceiro. A manutenção de um nível de atenção mutuo é algo essencial para assegurar que a outra pessoa se sente importante. É uma consistência que reconforta. Deve assim garantir que se mantém atento e ativo, tanto mentalmente como fisicamente, sempre que interage com o seu parceiro ou parceira.

 

  1. Compromisso com a relação

É fundamental que ambos sejam capazes de estimular interesses e momentos individuais. Apenas assim podemos garantir que nos encontramos bem para depois partilhar esse bem-estar com outro. Cultivar a nossa individualidade num contexto de relação é assim algo bastante saudável, todavia nunca deve acontecer em detrimento da nossa relação amorosa. Ou seja, deve assegurar que passa o mesmo (ou mais) tempo em atividades conjugais que possam melhorar o relacionamento. Apenas desta forma se poderá cultivar o interesse e a paixão ao longo do tempo.

 

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...