5 erros que todos cometemos na limpeza da casa

Até pode achar que sabe aspirar, limpar e lavar, mas a verdade pode ser bem diferente. Tenha cuidado, alguns destes enganos podem estar a danificar a sua habitação

Quase todos gostamos de viver numa casa limpa, cheirosa e arrumada. No entanto, quando chega a hora de arregaçar as mangas e começar a limpar, quase ninguém o gosta de fazer. É um clássico. Evitamos os dias de limpeza e chegamos mesmo a sonhar com robôs capazes de nos auxiliar nas tarefas mais exigentes.

Mesmo quando nos enchemos de coragem e começamos a limpar, a verdade é que – de acordo com os especialistas – muitas das coisas que fazemos estão erradas. A forma como limpamos e os materiais/produtos que utilizamos influenciam a eficácia da limpeza, e muitas vezes caso optemos por escolhas menos corretas podemos estar inclusive a danificar e a estragar os nossos movéis e pavimentos.

Desde hábitos de limpeza que podem arruinar a sua canalização até coisas que podem estragar os seus principais eletrodomésticos, estas são os 10 erros que deve evitar na limpeza da sua casa.

 

  1. Esfregar manchas nas carpetes

Até pode achar que tudo o que é necessário para limpar uma pequena mancha é um pouco de esforço e força de braço. No entanto este gesto pode até contribuir para o efeito contrário. Ao esfregar com muita intensidade uma mancha numa carpete pode estar a contribuir para que a sujidade se espalhe para mais fibras de tecido. Em alternativa, deve sempre tentar primeiro retirar o excesso de líquido da mancha antes de esfregar.

  1. Usar muita água ao limpar pavimentos de madeira

Este é um dos erros mais comuns. Tendemos a acreditar que uma esfregona bem ensopada é o melhor remédio para qualquer chão sujo. Na realidade, despejar demasiada água sobre um pavimento de madeira e deixar que ela aí fique a secar durante um bom tempo é uma das piores coisas que pode fazer. Este excesso de água pode estragar e deformar a madeira. Não se esqueça: no fim da lavagem procure sempre passar um pano ou esfregona seca sob o chão molhado.

  1. Lavar tabuas de madeira na máquina de lavar loiça

As máquinas de lavar loiça vieram auxiliar tremendamente o trabalho doméstico. Apesar de serem excelentes a lavar os seus pratos e copos, isso não significa que sejam boas para tudo e mais alguma coisa. Em particular no que diz respeito às tabuas de madeira para corte de vegetais. Este tipo de superfícies pode estragar e partir, caso seja colocada no interior quente e fechado de uma máquina.

  1. Usar lixívia nas manchas de ferrugem (ou para eliminar bolor)

A lixívia é um produto ótimo e eficaz para limpar muita coisa. No entanto, devido à sua composição química, pode igualmente causar muitos danos se não for utilizada de uma forma apropriada. No caso particular da ferrugem, a lixívia pode ainda acentuar mais o problema devido à oxidação associada à sua utilização. Nestas situações deve sempre utilizar produtos apropriados para este género de limpeza.

De forma semelhante, deve evitar usar lixívia para limpar machas de bolor. Sendo certo que pode ser eficaz a diminuir o tom escuro, este não é um produto capaz de eliminar bolor. Para este efeito o recomendado é usar peróxido de hidrogénio nas áreas afetadas.

  1. Esfregar as janelas com produtos abrasivos

É certo que algumas sujidades podem ser muito difíceis de eliminar. Sobretudo nos vidros e janelas pode ser complicado obter um resultado final satisfatório. Ao tentar limpar tudo com um esfregão e produto forte o mais provável é acabar por criar riscos e manchas difíceis de eliminar. É absolutamente recomendado que utilize, em alternativa, produtos e ferramentas apropriados para a ocasião.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...