Neurocientista explica como ser feliz

Um neurocientista da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, que se dedica a estudar o processo humano de tomada de decisão, defende que a melhor forma de ser feliz não tem relação com experiências, bens materiais ou atitudes perante a vida.

Ninho vazio? Conheça as estratégias para lidar melhor com esta situação

Todos já ouvimos histórias tristes de casais mais maduros que não se habituaram bem a uma vida caseira sem filhos. Em particular, as mães parecem ter uma dificuldade maior em se ajustar a uma nova realidade. Após anos de convivência intensa e diária, o sentimento de abandono pode ser avassalador.