Covid-19. Como organizar (de forma segura) um jantar com amigos?

É possível conviver com amigos e familiares de uma forma adequada, cumprindo todos os requisitos impostos pela atual pandemia.

Lembra-se da última vez que organizou um jantar com amigos em sua casa? Para muitos de nós esta parece agora uma ideia longínqua, quase impensável. O confinamento forçado obrigou-nos a um maior isolamento social (pelo menos físico) que alterou por completo as nossas rotinas.

Desde março que muitos foram os jantares e almoços que tiveram que ser cancelados, as saídas à noite adiadas, etc. De um momento para outro deixamos de festejar e conviver presencialmente com as pessoas de quem mais gostamos. Entretanto passaram já mais de 6 meses.

[Leia também: 5 dicas para recuperar a sua motivação em tempos de Covid-19]

Sendo certo que devemos obviamente continuar as respeitar as diretrizes da DGS, cumprir as precauções e evitar todos os comportamentos de riscos, a verdade é que é também essencial que não se quebre por completo os elos de ligação que temos com os outros.

A verdade é que é possível organizar jantares e convívios caseiros, com um número extremamente limitado de amigos íntimos, que assegure a segurança de todos os participantes. Para tal é essencial que se cumpram apenas algumas regras e que se evitem comportamentos de risco.

De acordo com o portal Prime Women, estas são algumas das dicas que deve seguir e que todos devemos respeitar.

 

  1. Distanciamento social

A possibilidade de assegurar um espaço que permita o distanciamento social é determinante. De forma a respeitar esta condição não é aconselhado que receba mais de 8 pessoa em sua casa. Os seus convidados devem ser seus amigos íntimos, pessoas que conhece bem. Faça questão de perceber como cada pessoa tem estado a vivenciar de forma segura (ou não) esta pandemia.

 

  1. Respeite os limites

Converse com todos no sentido de garantir que os participantes concordam com as regras e condições associadas a este convívio. Explique que as máscaras são obrigatórias exceto nos momentos em que se está a comer ou a uma suficiente distância de segurança. Aborde a forma como a comida irá ser preparada ou como os utensílios serão distribuídos na hora da refeição. Para certas pessoas poderá ser mais confortável a ideia de encomendar comida que venha separada, por exemplo. Procure entender e respeitar a sensibilidade de cada um.

 

  1. Privilegie o exterior

Reconheça a importância do espaço exterior e se possível coloque a mesa no jardim, pátio ou varanda. O facto de não se estar num espaço fechado irá deixar toda a gente mais confortável, na medida em que se reduz as chances de propagação de vírus. Aproveite esta oportunidade para fazer algo diferente, que não siga o mesmo modelo de sempre. Porquê não, por exemplo, aproveitar para organizar uma sessão de cinema no exterior com o apoio de um bom projetor?

 

  1. Separe tudo aquilo que conseguir

Ao invés de ter apenas uma só mesa de jantar, deve experimentar separar mais a disposição dos lugares. Organize diferentes mesas separadas para 2 ou mais pessoas. É também recomendado que estipule um local para colocar as comidas e bebidas, permitindo que cada pessoa se vá servindo de cada vez, evitando que todos tenham que estar no exato mesmo espaço. De resto procure sempre garantir que existe gel desinfetante que possa ser utilizado para limpar às mãos ao longo da refeição e sempre que se utiliza as mãos para servir alguns pratos ou bebidas.

 

  1. Disfrute

Deixe a conversa fluir e aprecie a refeição. Descontraia, mas mantenha sempre a distância recomendada. É perfeitamente possível passar uma noite agradável respeitando algumas destas recomendações. Ainda não é altura de podermos voltar a dar abraços e beijinhos como antigamente. Seja sensato, proteja-se a si e aos outros.

 

[Leia também: Atenção. 5 fraudes (perigosas) relacionadas com a Covid-19]

 

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...