5 dicas para recuperar a sua motivação em tempos de Covid-19

Cansado da pandemia? Perceba como pode (e deve) dar a volta

No início do surto da crise sanitária que ainda enfrentamos encontrar a motivação e capacidade de concentração para desempenhar as tarefas relacionadas com o nosso emprego ou com a nossa escola foi certamente um desafio. A preocupação e o medo tomaram conta dos nossos dias. Tudo o resto tornou-se secundário.

Passados mais de 5 meses, procuramos agora regressar a uma nova normalidade, no entanto este ajuste não tem sido fácil para todos. A incerteza sobre o futuro, a falta de esperança relativa ao fim deste “pesadelo”, os desafios físicos e mentais de uma falta de liberdade de movimentos, tudo isto continua a assombrar os nossos dias.

[Leia também: Fatiga provocada pela pandemia? Eis 10 sinais a que deve estar atento]

Permanecer motivado e focado nas nossas tarefas ou objetivos diários tornou-se assim mais difícil do que nunca. Compreender estes desafios é certamente o primeiro passo para os conseguirmos ultrapassar. Apesar da pandemia ser uma situação sem precedentes na nossa vida, isso não significa que não existam formas de procurar gerir melhor estes momentos mais incertos.

Conheça agora 5 estratégias fundamentais, recomendadas pelo portal Psychology Today, que prometem ajudar a recuperar um pouco da sua motivação, mantendo-o alinhado e emocionalmente positivo.

 

  1. Definir objetivos claros e realistas

Esta é uma excelente forma de incrementar a nossa motivação. A verdade é que quando nos sentimos algo perdidos ou dispersos pode ser extremamente complicado ter a disciplina mental para agir e concretizar tarefas. É preciso conhecer a direção para onde desejamos ir. Os nossos objetivos funcionam exatamente para isto: para nos guiar.

Na definição destes objetivos procure privilegiar coisas relativamente simples, que possam ser medidas e concretizadas. Não tente ser demasiado ambicioso pois isso pode gerar uma maior frustração. Um passo de cada vez. Seja na sua vida profissional ou pessoal, para melhorar a sua saúde ou aparência física, deve sempre ter ciente quais os seus reais objetivos.

  1. Enfrente as suas tarefas diárias

Ter objetivos pode ser determinante para definir uma estrutura de futuro capaz de guiar os seus dias. No entanto isso nem sempre é suficiente para assegurar a sua motivação diária, especialmente quando temos muito para fazer e pouca vontade para o concretizar.

Planear antecipadamente as tarefas de cada dia é uma importante sugestão para auxiliar este processo. Escrever logo de manhã uma lista de tudo aquilo que temos para fazer ao longo do dia é eficaz na redução da nossa ansiedade, “limpando” a nossa mente e oferecendo uma sensação de maior controlo. Sempre que termina uma tarefa pode riscar da sua lista esse item para sentir uma pequena (mas gratificante) recompensa.

  1. Construir uma rotina

Controlar o nosso tempo e os nossos horários é sem dúvida essencial para proteger a nossa motivação. Numa altura em que tudo é tão incerto e em que tudo pode mudar tão rapidamente, garantir algum maior controlo sobre o nosso dia-a-dia vai sem dúvida fazer sentir-nos melhor.

Procure criar hábitos e rotinas fixas para os seus dias. Porventura pode começar todos os dias com uma chávena de café. À tarde pode apostar num passeio de 15 minutos. No final do dia pode ir dar uma corrida, por exemplo. Estes tipos de coisas irão ajudar a controlar as suas emoções, oferecendo ao seu dia alguma importante previsibilidade que o irá fazer sentir mais calmo e seguro.

  1. Fortaleça o seu cuidado pessoal

Nestes momentos mais desafiantes e angustiantes é determinante que seja bom e sensível consigo próprio. Caso não seja cuidadoso poderá facilmente sucumbir a um maior estado de stress e ansiedade que destrua o seu bem-estar. Assim, é fundamental que dedique parte do seu tempo a fazer coisas que contribuam para a sua saúde física e mental.

Sempre que comece a sentir que está a ter dificuldades em concentrar-se na finalização de uma determinada tarefa pode ser útil parar por uns minutos para fazer algo mais agradável que o motive mais. Este intervalo vai ajudar a recuperar a sua concentração, permitindo que passado um curto espaço de tempo a volte a utilizar para terminar a tarefa. Vá fazendo este tipo de paragem para evitar um burnout psicológico.

  1. Socialização

Uma outra estratégia bastante relevante para assegurar a sua motivação – especialmente ao trabalhar a partir de casa – é procurar estimular as suas conexões sociais. Todos somos diferentes e para algumas pessoas a interação com os outros pode ser um aspeto bem determinante para a sua motivação e produtividade. Sem a proximidade dos colegas, amigos ou familiares, algumas pessoas sentem-se bastante perdidas e isoladas. Isto enfraquece a motivação para concretizar as tarefas necessárias. Deve garantir que mantém, seja de forma presencial ou remota, um contacto frequente com os outros. Faça uso das tecnologias ou simplesmente combine um café para assegurar que não se sente isolado do resto do mundo.

 

[Leia também: Regresso às aulas. 5 dicas para ajudar a reduzir a ansiedade dos mais novos]

 

 

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...