100 Erros: abaixo vs. a baixo

Não se preocupe, a Escrivaninha (equipa de serviços linguístico e de edição) esclarece todas as dúvidas que possa ter na nova rúbrica “100 Erros”, todas as semanas no site Forever Young.

Há duas expressões que as pessoas confundem constantemente na escrita: a baixo e abaixo. Ora, se na oralidade o erro não se vê, quando escrevemos de pena ou caneta em riste já não é bem assim. Quase sempre nos baralhamos com estas expressões que, apesar de terem as mesmas letras, se grafam de maneiras diferentes.

 

Vamos, finalmente, esclarecer este imbróglio.

 

Antes de mais, importa saber se pretendemos usar o abaixo ou o a baixo, que têm, obviamente, grafias e sentidos diferentes. Vejam, então, a explicação abaixo.

 

Exemplos com abaixo:

 

1) «Imediatamente abaixo da minha nota, ficou a do Miguel.»

2) «Abaixo o acordo ortográfico!»

 

Na frase 1) temos o advérbio de lugar abaixo usado na sua acepção mais comum, com o sentido de «em posição inferior», «em grau menor» ou, noutros casos, «depois de outro» — tal como podem confirmar no Priberam.

Apesar de haver outras acepções associadas ao termo abaixo, estas são, sem dúvida, as mais usadas.

 

Na frase 2), abaixo equivale ao verbo intransitivo «rebaixar», «diminuir a importância de», e, por isso, percebemos que quem a profere está claramente contra o acordo ortográfico.

 

Vamos agora aos exemplos com a baixo:

 

3) «O Manuel olhou-me de alto a baixo».

4) «Há livros a baixo preço na nossa livraria».

 

Nas frases 3) e 4) usamos a locução adverbial e, em termos semânticos, sugere-se um movimento desde um ponto superior até um ponto inferior. Ora, quando assim é, devemos separar as palavras, escrevendo a baixo. Não é assim tão complicado, pois não?

 

Releiam bem, de alto a baixo, este artigo para banir este erro dos vossos textos e (já sabem) contem sempre com a entidade abaixo, a Escrivaninha, para vos continuar a esclarecer.

 

Elsa Alves

(texto escrito de acordo com a antiga ortografia)
A Escrivaninha é uma equipa de freelancers que se dedicam à revisão, edição, tradução e produção de texto, criada por quem conhece e reconhece a beleza mas também os ardis da língua portuguesa. Conheça melhor os nossos serviços aqui.

 

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
Loading...