Conselhos para evitar esquemas fraudulentos nas redes sociais

Saiba aqui como os criminosos usam o Facebook, Instagram, entre outros para enganar os utilizadores, sobretudo mais envelhecidos.

O objetivo do Facebook – assim como de qualquer outra rede social – é criar um espaço virtual em que os utilizadores se sintam seguros e no qual queiram passar grande parte do seu tempo disponível. Para tal tentam sempre criar novas formas de tornar as suas plataformas mais atrativas, mais fáceis de usar e de partilhar com amigos e família.

Estes esforços são muitas vezes aproveitados por criminosos para enganar os utilizadores. Estes utilizam muitas destas ferramentas confortáveis e familiares das redes socias, este ambiente de partilha e de grande abertura, para estabelecerem engenhosas redes de fraudes que podem colocar em causa os dados pessoais e financeiros de qualquer pessoa.

Recentemente a equipa do AARP, especializada em fraudes online, identificou um conjunto de esquemas enganosos em algumas das principais redes sociais, assim como em algumas outras apps e plataformas.

De acordo com os especialistas, estas são algumas das principais dicas para evitar quaisquer danos.

 

Facebook

Ao tornar-se “amigo” de uma página fraudulenta está a garantir que os criminosos tenham acesso a toda a informação do seu perfil, podendo estes a partir daí criar uma série de outras contas falsas. Muitas vezes pode receber “convites de amizade” de pessoas que pensa conhecer, mas que são na verdade apenas uma destas contas falsas.

O nosso conselho? Nunca aceite convites de pessoas que não conhece pessoalmente. Adicionalmente caso se trate de um convite por parte de uma pessoa que já é seu amigo, então nunca aceite este segundo pedido. O mais provável é ser uma fraude.

Google Hangouts

Este é suposto ser um local seguro para partilhar fotos e conversar com amigos. No entanto recentemente temos assistido a um crescimento de esquemas que se instalam nesta plataforma. Muitos destes estão inclusive relacionados com propostas de emprego.

Pode acontecer estar a falar online sobre o facto de estar à procura de um novo emprego e uns dias mais tarde receber um email com uma proposta de emprego que inclui já um primeiro salário. A única condição é que pague a taxa de transação online. Ora, isto é um esquema.

O nosso conselho? Nunca clique neste tipo de ofertas. Um empregador nunca irá oferecer-lhe um salário num primeiro contacto e nunca irá pedir-lhe que pague uma qualquer taxa.

Instagram

Esta plataforma segue em grande parte para acompanhar os vídeos e fotografias que os seus amigos partilham, assim como para “seguir” algumas das principais celebridades que mais gosta.

Ora dado que qualquer criminoso consegue ver quem são as pessoas que mais segue, pode também perceber exatamente quais são os seus interesses. Se por exemplo sabe que anda interessado em viajar para Espanha, pode começar a enviar-lhe propostas fraudulentas de bilhetes de avião. Estes criminosos podem também fingir ser uma celebridade (ou uma qualquer pessoa sua conhecida) para lhe fazer convites e pedir dinheiro.

O nosso conselho? Mantenha as suas definições de privacidade o mais seguras possível. Não responda a nenhuma mensagem estranha.

Words with Friends

Sim, até este popular jogo online pode conter vários esquemas escondidos. E a maior parte deles têm a ver com questões amorosas. A verdade é que depois de jogar algumas rondas com um desconhecido pode começar a receber algumas mensagens elogiosas que invariavelmente acabam com um pedido de ajuda financeira, motivado por uma qualquer doença grave que este criminoso afirma estar a enfrentar.

O nosso conselho? Só jogue com pessoas que conhece. Caso jogue com estranhos então assegure que não partilha nenhum tipo de informação íntima ou financeira.

 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Black Friday 2019 em números
Automonitor
FIA escolhe Braga como palco do Hill Climb Masters 2020