Do cão ao chocolate: 5 formas surpreendentes para manter o coração saudável

Exercício físico e alimentação saudável estão no topo da lista, mas o que mais se pode fazer para manter o coração saudável?

Todos os anos 35 mil portugueses morrem vítimas de doenças cardiovasculares, e a Fundação Portuguesa de Cardiologia diz que pelo menos 80% dessas mortes poderiam ser evitadas. Tabagismo, alimentação inadequada, falta de exercício físico e abuso do consumo de álcool são alguns dos fatores de risco mais comuns.

As recomendações são conhecidas: adotar um estilo de vida saudável, fazer exercício físico regularmente e preferir uma alimentação equilibrada, com moderação no consumo de gorduras e sal, entre outros “inimigos” do coração.

No entanto, de nada nos vale seguir estas regras se estivermos constantemente ansiosos, frustrados, nervosos e de mal com a vida em geral. Manter a saúde do coração implica também adotar uma postura na vida que nos permita alguma tranquilidade e equilíbrio ao nível psicológico. Neste artigo reunimos dez maneiras simples (e inesperadas) de tornar o seu coração mais saudável.

Seja socialmente ativo

Tenha amigos e cultive as suas amizades. Não vale acreditar que tem muitos amigos só porque conhece muitas pessoas ou tem uma lista enorme de conexões no Facebook. Mantenha um círculo de amigos próximo, converse, saia e interaja com eles o mais possível. Partilhar a vida com os outros reduz a ansiedade, ajudando a controlar a pressão arterial.

Coma chocolate

O chocolate negro, com maior percentagem de cacau, tem inúmeros antioxidantes, nutrientes que aumentam as defesas do sistema imunológico. Um quadrado por dia é excelente para a saúde e para o palato. No entanto, não se agarre a esta informação para comer a tablete inteira no mesmo dia. Moderação é a palavra de ordem.

Adote um cão

Ou um gato, ou qualquer outra espécie. Vários estudos sugerem que quem tem animais de estimação tem um risco mais reduzido de sofrer de uma doença cardiovascular. Ser dono de um cão, por exemplo, implica desde logo mais passeios ao ar livre e mais atividade física. Se decidir seguir esta dica, lembre-se que há centenas de animais em abrigos à espera de uma família. Antes de comprar um animal, pondere adotar.

Mexa-se!

Não apenas para fazer exercício físico, mas ao longo de todo o dia. Ficar sentado durante oito horas no seu posto de trabalho é meio caminho andado para o sedentarismo. Tente organizar as suas tarefas de forma a poder levantar-se várias vezes ao longo do dia, nem que seja para ir à copa beber água ou para dar uma volta pela empresa. Seja qual for o motivo, o importante é não permanecer sentado durante horas. Também em casa mexa-se mais e evite ficar longas horas sentado no sofá a ver televisão. Levante-se e dê um passeio pelo bairro.

Durma bem

Dormir é essencial para a saúde, mas o melhor é não exagerar, nem por excesso, nem por defeito. Dormir demasiado aumenta os risco de doença cardiovascular em cerca de 38%, enquanto dormir pouco tem o mesmo efeito, numa percentagem ainda maior – 42%. O ideal é dormir cerca de oito horas por noite (variável de pessoa para pessoa) e criar rotinas de sono saudáveis, ou seja, deitar-se e levantar-se sempre às mesmas horas.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Josefinas abre lojas pop-up em Braga e Lisboa
Automonitor
Cepsa Black Week começa esta sexta-feira