Pode combater o envelhecimento da pele a comer

Conheça alguns alimentos cuja riqueza em certos nutrientes pode retardar o aparecimento das rugas.

A expressão “nós somos o que comemos” faz muito sentido. A alimentação é responsável pela nutrição das células e ainda afeta outros processos metabólicos do organismo. Neste artigo pode ficar a saber que alimentos combatem o envelhecimento da pele

Com efeito, uma alimentação equilibrada e variada pode fornecer proteínas, agentes anti-inflamatórios e antioxidantes que desempenham um papel relevante na missão de reter o envelhecimento precoce.

De seguida fique a conhecer alguns exemplos desses tipos de alimentos, cuja riqueza em certos nutrientes pode revigorar a pele e assim mantê-la saudável:

Betacaroteno: adquirido através da alimentação, uma forma indireta de o organismo obter vitamina A, este antioxidante dá elasticidade à pele, atua na inibição dos radicais livres e prevenção do envelhecimento.

No tempo de sol e praia, ao betacaroteno acresce a vantagem de favorecer o bronzeado da pele, o que ajuda a proteger dos raios solares. O processo de transformação em vitamina A promove a formação de melanina, o pigmento que dá a cor bronzeada à pele e protege dos raios ultravioleta.

Esta substância está presente na abóbora, no agrião, no alperce, na batata-doce, na beterraba, nos brócolos, na cenoura, nos espinafres, no mamão, na manga, no repolho e no tomate, por exemplo.

Flavonoides: este é o principal ingrediente do cacau, além de ser um antioxidante poderoso, que melhora a circulação e retarda o aparecimento das rugas. Apesar de muito presente no chocolate, a melhor opção é o amargo ou preto, por ser mais rico em flavonoides.

Estes nutrientes podem ser facilmente encontrados em diversos alimentos de origem vegetal. Além do cacau, os seguintes alimento também contêm um alto teor deste composto: uva, maçã, romã, couve, cebola, chá verde e preto, café e mel.

Isoflavonas: encontradas facilmente na soja e em derivados. As isoflavonas atuam na prevenção e redução da degradação do colagénio, além de combater os radicais livres. Pela sua atuação no colágenio, a soja ainda contribui para melhorar o aspeto da celulite.

As isoflavonas podem ser ainda encontradas em sementes de linhaça, farinha de soja, tofu e edamame.

Ómega 3 e 6: estes ácidos gordos, que não ser produzidos de forma suficiente pelo nosso organismo, têm de ser encontrados, nomeadamente, em fontes alimentares. Presente no peixe (salmão, atum e truta) e em sementes oleaginosas, estas substâncias ajudam a hidratar a pele, devido às ceramidas, que também protegem contra inflamações e alergias.

Vitamina C: este nutriente auxilia na síntese de colagénio, pelo que a sua ingestão traz benefícios para a pele. Nomeadamente em várias frutas como as laranjas, morangos, limão e toranjas. Além disso, a vitamina tem ação antioxidante e auxilia a combater os danos ambientais.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Arranca a segunda edição do From Start-to-Table
Automonitor
Audi assinala os 25 anos de desportivos RS