Melhor Equilíbrio e Mais Segurança Com Uma Melhor Audição

Os problemas no ouvido podem causar mais do que apenas dificuldades em ouvir.

Os problemas no ouvido podem causar mais do que apenas dificuldades em ouvir. Podem também afetar a capacidade de andar, ficar de pé e até manter o equilíbrio. Um bom equilíbrio reflete aptidão física e mental, começando logo no ouvido!

Grande parte do sistema vestibular, que ajuda na manutenção do equilíbrio, fica no ouvido interno. Embora seja bastante comum a ocorrência de uma crise passageira de tonturas, os especialistas estimam que, ao longo da vida, cerca de 4 em cada 10 pessoas vão ao médico por causa de um episódio significativo de tonturas. Esta perda de equilíbrio pode levar a uma sensação de flutuar ou até mesmo a um desmaio, sensações que têm origem no ouvido interno.

No estudo* realizado pelos médicos Frank Lin e Luigi Ferrucci da Universidade Americana John Hopkins, que envolveu cerca de 2 mil pacientes, verificou-se que a perda auditiva é um fator de risco associado a quedas e acidentes sofridos por grande número de pessoas, sobretudo nas faixas etárias elevadas.

Resumidamente, se as capacidades auditivas diminuem, diminuem igualmente os recursos cognitivos que, no processo da audição, contribuem para a perceção do ambiente, dificultando a manutenção do equilíbrio.

 

Mas como é que a audição afeta o equilíbrio?

O ouvido interno é composto por duas partes: a cóclea, responsável pela audição e os canais semicirculares, responsáveis pelo equilíbrio.

O sistema vestibular deteta o movimento através de células sensoriais especiais que são ativadas quando inclinamos ou movemos a cabeça. Estas enviam sinais para o nervo vestibular que, juntamente com o nervo coclear, transporta sinais elétricos para o cérebro, o que nos permite ter a noção de movimento no espaço.

Quando, por algum motivo, estes órgãos se encontram danificados, o que é mais comum em pessoas em idade avançada, é natural que surjam alguns desequilíbrios esporádicos. Estas pessoas podem sentir que estão em movimento quando não estão, fazer um grande esforço para se manterem em pé ou ter enjoos mesmo estando paradas. Tudo isto pode levar a quedas e acidentes mais graves.

 

Previna as quedas com uma Audição Activa

É, sem dúvida, comum serem as pessoas de maior idade a sofrerem quedas e acidentes por desequilíbrios momentâneos e uma das possíveis causas associadas a esta falta de equilíbrio é a diminuição das capacidades auditivas.

No caso da falta de equilíbrio estar associada a dificuldades auditivas, o uso de aparelhos auditivos poderá ser uma boa opção para minimizar o risco de queda. O uso de aparelhos auditivos pode melhorar a audição e, assim, contribuir para um melhor equilíbrio.

É aconselhável o seguimento das condições de audição com alguma frequência. Um especialista aconselha aparelhos auditivos consoante as necessidades e o estilo de vida da pessoa em causa.

O uso de aparelhos auditivos, não só melhorará a audição do utilizador como terá um enorme impacto na sua qualidade de vida.

 

 

*Fonte: https://jamanetwork.com/journals/jamainternalmedicine/fullarticle/1108740

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...