Sabe o que a geleia real pode fazer pelos seus cabelos?

A geleia real é uma substância que tem se destacado por conter uma combinação excecional de nutrientes e elementos essenciais para a saúde e para a revitalização dos cabelos, sendo considerada um ativo “mágico”.

A geleia real é o alimento da abelha rainha da colmeia, produzido pelas jovens abelhas operárias através de suas glândulas hipofaríngeas. Esse alimento poderoso garante à rainha um corpo duas ou três vezes maior do que o das outras abelhas, uma postura de milhares de ovos e bastante longevidade, proporcionando uma vida de cinco a seis anos, diferente da média de quarenta dias de vida das abelhas operárias. A substância só pode ser produzida dessa forma natural, sendo impossível de ser sintetizada para produção em escala industrial.

Aponta-se que a sua história começou no século XVIII, após observações do naturalista François Huber que percebeu que os espaços ocupados por larvas de futuras rainhas recebiam um líquido especial, diferente das demais.

Na Grécia antiga, a geleia real já era descrita em textos de Aristóteles. O Papa Pio XII também foi responsável por popularizar a geleia real, já que aos 80 anos e com sérios problemas de saúde, foi a público discursar a favor da substância, atribuindo a ela a recuperação de seu estado físico.

A substância é composta por proteínas, vitaminas, hormônios, carboidratos, lipídeos, enzimas e substâncias minerais, o que faz com que a geleia real tenha uma importante ação fisiológica, podendo ser utilizada em processos de regeneração das células e do organismo, além de possuir ação antioxidante.

A composição da geleia real é de aproximadamente 1% de sais minerais, 3% de vitaminas, coenzimas e enzimas, 5% de lipídeos, 12% de proteínas, 13% de carboidratos e 66% de água.

Entre as vitaminas, podem ser encontradas: a biotina, do complexo B, a tiamina, conhecida como vitamina B1, riboflavina, ou vitamina B2, piridoxina, chamada de vitamina B6, pequenas doses de vitaminas C e D, além de inositol e ácido fólico.

Dos minerais presentes na substância, destacam-se o enxofre, o magnésio, o cobre, o zinco, o ferro, o cobalto, o lítio, o arsênico, o manganês, o níquel e o cromo.

Além disso, é possível encontrar vinte e um tipos de aminoácidos na geleia real, sendo os principais arginina, valina, lisina, leucina, isoleucina e fenilalanina.

A geleia real, por ser um ativo extremamente rico, sendo apontada como uma substância poderosa para reforçar a imunidade do organismo.

Os seus benefícios para a saúde da pele também são notórios. Máscaras faciais com a substância têm sido utilizadas tanto para tratamentos contra a acne, já que suas vitaminas do complexo B podem melhorar processos inflamatórios, quanto para reduzir os efeitos do sol, já que ela tem o poder de revitalizar a pele que se encontra descamada e seca por causa de exposição aos raios solares.

Ela possui também uma função clareadora, sendo usada na intenção de reduzir manchas. Como o seu consumo estimula a produção de colágeno, proteína responsável por dar sustentação à pele, pode considerar-se que a geleia também tem por função combater rugas e flacidez.

 

As vitaminas presentes na geleia real têm um poder de nutrição muito mais profundo, o que melhora consideravelmente o aspeto dos fios de cabelo e da sua textura. Ela repõe a massa capilar perdida pela ação dos agentes externos que afetam a saúde dos cabelos.

Benefícios de alguns componentes da geleia real nos cabelos:

Vitamina A — promove o crescimento saudável e evita que os cabelos fiquem quebradiços;

Vitamina B5 (Ácido Pantotênico) — permite a manutenção da cor natural e evita a queda dos cabelos;

Vitamina B6 (Piridoxina) — ajuda a manter a cor dos cabelos e evita a perda de fios;

Vitamina C (Ácido ascórbico) — por ser um nutriente vital no auxílio das outras vitaminas, é essencial para os vasos sanguíneos e na formação de colágeno;

Vitamina E — favorece a circulação de sangue no couro cabeludo e pode ajudar a prevenir cabelos brancos e queda;

Ácido fólico — por ajudar na formação das células vermelhas do sangue e na manutenção da saúde do sistema nervoso central, ele desenvolve e provoca o crescimento de vários tecidos e estruturas do corpo, inclusive os cabelos;

Inositol — trabalha no estímulo do crescimento do cabelo e na prevenção de calvície;

Arginina — estimula a circulação, favorecendo a nutrição do bulbo capilar, além de ser hidratante;

Leucina — é essencial na regeneração dos fios, pois é fundamental na estrutura das enzimas e das proteínas;

Lisina — auxilia na obtenção de um cabelo mais alinhado, da raiz às pontas. Também ajuda no fortalecimento, no crescimento e na regeneração, pois potencializa a absorção de cálcio;

Fenilalanina — está diretamente ligada à melanina, responsável por dar cor aos cabelos e à pele;

Serina — com propriedade hidratante, melhora o brilho, a maciez e a integridade das cutículas dos cabelos.

O tratamento capilar com a geleia real pode ser utilizado desde os cabelos normais até aos extremamente secos, mas tem sido amplamente indicado para as madeixas seca e os cabelos danificados pelos químicos ou outros agentes, como a poluição e o sol, além do secador , que deixam os fios quebradiços e enfraquecidos.

 

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...