Está a chegar o fim-de semana. Uma excelente altura para ler um destes clássicos

Quatro sugestões que o vão enriquecer. Livros inesquecíveis.

Cem Anos de Solidão, de Gabriel García Márquez

Foi com este livro que Gabo trouxe para a América Latina um dos poucos Nobel de Literatura, em 1982. Considerada a magnum opus de García Márquez, neste livro conhecemos a fabulosa trama da família Buéndia, que atravessa quatro gerações. A matriarca Úrsula carrega o leitor pelos anos, personagens, intrigas, casos fantásticos e, principalmente, sentimentos da família, que funciona quase como um personagem único. Quarenta traduções, mais de cinquenta milhões de exemplares vendidos afirmam a genialidade desta obra.

A Sangue Frio, de Truman Capote

Em 1959 a família Clutter foi brutalmente assassinada numa pequena cidade do Kansas. Capote, o jornalista, chegou à cidade um mês depois e recolheu informações, testemunhos, cartas, diários, e a sua própria observação e capacidade incrível de memorização para contar a história do crime de forma contagiante.

A Insustentável Leveza do Ser, de Milan Kundera

Tomás, Teresa, Sabina e Franz são as quatro personagens desta história que se passa numa época em que reina a opressão (Primavera de Praga). Cada um deles vive de uma maneira diferente, resistindo, escolhendo, experimentando.

O Grande Gatsby, de F. Scott Fitzgerald

Tudo acontece na região metropolitana de Manhattan, na época de ouro de Wall Street. O narrador é Nick, que vivia ao lado de um multimilionário, Jay Gastby. A sociedade da extravagância, da prosperidade, que envolve um romance obsessivo e tenso do começo ao fim.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...