Sabe em que estação do ano dormimos melhor?

Será que acerou? Ora veja.

Clima ameno e menor exposição à luz possibilitam descansos mais agradáveis e revigorantes!

O amarelado das folhas e o clima mais ameno são características claras de que o outono chegou. A estação do ano que sucede o verão traz dias mais nublados e temperaturas mais baixas, que tornam as noites perfeitas para um repouso revigorante. Afinal, essas características influenciam diretamente no organismo das pessoas e proporcionam uma melhora na qualidade do sono.

A Consultora do Sono da Duoflex, Renata Federighi, explica que o outono é a estação do ano que mais contribui para um repouso agradável, pois o clima ajuda a amenizar a temperatura corpórea e do ambiente, mas sem alcançar extremos, como no inverno. “O cérebro diminui alguns graus para dar início ao sono, e é na fase N-REM (na qual existe o descanso profundo e menor atividade neural) que alcança a menor temperatura. Essa queda de atividade cerebral é de grande importância para reparação do corpo”, destaca.

Para o quarto, também é preciso evitar os extremos, pois dormir em um lugar muito frio afeta a qualidade do sono, causando pequenos despertares durante o descanso. “Ter uma coberta à disposição é importante para não deixar que o ambiente se torne desagradável. A temperatura ideal para descansar bem fica entre 17 °C e 20°C”, completa a especialista.

Uma outra característica do outono que ajuda melhorar a qualidade do descanso é que os dias se tornam mais curtos e ficamos menos expostos ao sol. “A falta de luz é um dos principais fatores que influenciam na produção de melatonina, um hormônio responsável por regular os ciclos do sono. A substância é produzida ao escurecer e induz o organismo a se preparar para dormir”, explica Renata. Mesmo com esse benefício da estação, a especialista alerta também sobre a luz emitida pelos aparelhos eletrônicos, que podem atrapalhar o repouso noturno.

Mesmo que o outono seja a estação propícia para dormir melhor, a temperatura e a iluminação ideal não são suficientes para garantir a qualidade do sono. “A postura correta ao deitar e a escolha certa do colchão e do travesseiro é essencial para um repouso adequado e para manutenção da saúde do corpo”, completa.

Manter a postura correta durante o sono, aliás, é um cuidado que pode evitar problemas sérios na coluna. O ideal é deixar a coluna cervical sempre alinhada com o tronco, a fim de melhorar a circulação sanguínea e facilitar os estímulos elétricos enviados pelo cérebro aos demais órgãos do corpo. “A posição mais aconselhável para se dormir é a de lado. O ideal é usar um travesseiro com uma altura que se encaixe perfeitamente entre a cabeça e o colchão, formando um ângulo de 90 graus entre o ombro e o pescoço. Nesta posição, as pernas devem ficar flexionadas com um espaçamento entre os joelhos e os tornozelos, evitando atritos entre eles”, conclui a consultora.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...